Loading...

sábado, 14 de julho de 2012

Ápice sem Ápice

EspaçoDimensional@

E quando chegou a madrugada ainda havia fôlego para continuar
E quando madrugada só estava começando a navegar
Como um sopro leve que vem cheio de intensão
Movimentos se dividem entre mãos, laços, lábios e abraços
Somente um vagar continuo da madrugada
Num enlevo e êxtase contínuos 
E ainda sóbria e virgem...


Dricca Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...o tempo urge, calmamente.....

Loading...

Marcadores